Televendas
(41) 3075-8050
R$ 0,00
0 itens
Você está aqui:
CLORIDRATO DE PROPRANOLOL 40 MG COM 30 CPR CIMED GENERICO


CLORIDRATO DE PROPRANOLOL 40 MG COM 30 CPR CIMED GENERICOBula do produtoMedicamentos Genéricos


CLORIDRATO DE PROPRANOLOL 40 MG COM 30 CPR CIMED GENERICO

Estoque: Indisponível Código: 19050
De R$ 6,69
Por R$ 4,95

 



Marca: CIMED
Registro MS: 1438101360027
SAC: 0800 704 4647
Código: 19050
Princípio Ativo: CLORIDRATO DE PROPRANOLOL
Preços válidos somente para compras na loja online

Informações do Produto

CLORIDRATO DE PROPRANOLOL 40 MG COM 30 CPR CIMED GENERICO

Indicação

Cloridrato de propranolol é um betabloqueador indicado para: - Controle de hipertensão. - Controle de angina pectoris. - Controle das arritmias cardíacas. - Profilaxia da enxaqueca. - Controle do tremor essencial. - Controle da ansiedade e taquicardia por ansiedade. - Controle adjuvante da tireotoxicose e crise tireotóxica. - Controle da cardiomiopatia hipertrófica obstrutiva. - Controle de feocromocitoma. Neste caso, o tratamento com cloridrato de propranolol deve apenas ser iniciado na presença de um bloqueio alfa efetivo.

Contra-Indicação

Cloridrato de propranolol, assim como outros betabloqueadores, não deve ser utilizado em pacientes nas seguintes situações: - conhecida hipersensibilidade ao propranolol e aos outros componentes da fórmula; - hipotensão; - bradicardia; - distúrbios graves da circulação arterial periférica; - síndrome do nó sino-atrial; Modelo de Bula PROFISSIONAL - feocromocitoma não tratado (com um antagonista do receptor alfa-adrenérgico); - insuficiência cardíaca descompensada; - angina de Prinzmetal; - choque cardiogênico; - acidose metabólica; - após jejum prolongado; - bloqueio cardíaco de segundo ou terceiro grau; - histórico de asma brônquica ou broncoespasmo. O broncoespasmo pode normalmente ser revertido com broncodilatadores agonistas beta-2, por exemplo, salbutamol. Altas doses de broncodilatadores agonistas beta-2 podem ser necessárias para superar o bloqueio beta produzido pelo propranolol e a dose deve ser titulada de acordo com a resposta clínica. Tanto a administração intravenosa quanto a inalatória devem ser consideradas. O uso de aminofilina intravenosa e/ou o uso de ipratrópio (administrado por nebulizador) podem também ser considerados. Também foi relatado que o glucagon (1 a 2 mg administrados intravenosamente) produz um efeito broncodilatador em pacientes asmáticos. Em casos graves, podem ser necessários oxigênio ou ventilação artificial. Cloridrato de propranolol não deve ser utilizado por pacientes com predisposição à hipoglicemia, isto é, pacientes após jejum prolongado ou pacientes com reservas contraregulatórias restritas.


ADVERTÊNCIA DE USO:
Se persistirem os sintomas, o médico deverá ser consultado.
Seu uso pode trazer riscos, procure um médico. Leia a bula.

Bula

Clique aqui para abrir a bula em PDF.

Envie sua receita

Clique aqui para enviar sua receita.